terça-feira, agosto 26, 2008

SP – Hermitage


O grande Hermitage, museu de dimensao interminavel que tambem sofreu com a IIGM, e’ constituido por 4 areas (Palacio de Inverno, Hermitage pequeno, antigo e novo) que remontam principalmente ao sec XVIII. Foi construido para residencia da familia imperial na margem do rio Neva.

Contempla obras diversas de cultura e arte do Egipto antigo, dos tempos primitivos, francesa, alema, inglesa, russa, holandesa, italiana, espanhola, flamenga, oriente...

Tinhamos comprado bilhetes pela internet, mas tinhamos de chegar ‘a bilheteira…

Bastante antes da hora de abertura ja’ havia fila pela praca onde esta’ a coluna de Alexandre, em frente a um dos portoes.

Depois o caos, um grupo de gente corre para o outro portao. Porque? Nao sabemos... O meu pai foi para o outro portao, eu fiquei com a minha mae no portao inicial. Com a fila desfeita, formou-se um aglomerado de turistas sem nexo. Um carro tinha de entrar no museu pelo portao, as pessoas tinham de se desviar... foi muito dificil, ninguem queria perder o "lugar".

Abriram os portoes, era ver tudo a correr pelo patio ate’ ‘a porta de entrada, parecia que estavam a fugir de alguma coisa. Depois outra espera com empurroes e pessoas a passar na fila. La’ conseguimos entrar para a zona das bilheteiras e o meu pai conseguiu os bilhetes pela mostra do papel da internet, depois de algum esforco e empurroes por entre outros candidatos a visitantes.

Um mapa do museu e’ indispensavel e consegue-se no balcao de informacoes, e era em ingles, maravilha! O museu tinha alguma informacao em ingles, mas nao na integra.

Percorrer todas as salas era dificil, apesar de estarem numeradas e de ter rabiscado o mapa todo.

Tambem muitas alas estavam fechadas, talvez para recuperacao.

Ha’ de tudo, pintura, esculturas e objectos do quotidiano a perder de vista.

Este Cupido foi dos meus preferidos.

E' um museu muito bonito e enriquecedor.
Mas tambem enorme e muito cansativo.

1 Comments:

At 5:07 da tarde, Blogger Tuga em Londres said...

Parece espectacular!

 

Enviar um comentário

<< Home