sexta-feira, setembro 23, 2016

Abu Dhabi vila tradicional

Terminámos o tour no museu da vila tradicional, gratuito, para aprender como se vivia no deserto, como os beduínos (nómadas que vivem no deserto). Com muito calor, o camelo e cavalo lá estavam a sofrer, ainda que com uma sombrita a tapar o seu espaço. Em cada casinha/ divisão havia um atelier exemplo das actividades locais, tapetes, roupas, chapéus… 
Casas tendas feitas de lã de cabra ou pelo de camelo, casas de pedra, umas poucas lojas a vender souvenirs, a preços normais e sem chatear. 
Olha água, praia! Vazia tal era o calor, mas quis experimentar a água. Tirei as sandálias. A curta distância até à agua “sopa” foi suficiente para começar a correr e ficar com as solas dos pés muito quentes… ora bolas, e agora tenho de voltar para trás? Fiquei com os pés quentes o resto do dia… foi difícil acalmar para calçar as sandálias novamente, a precisar de uma água fresquinha para refrescar. Irra! Não dá para fazer praia, demasiado calor!
Mais ateliers de trabalhos manuais, madeira, vidro, metal, barro, barquinhos… 
Os senhores eram simpáticos, podia-se tirar fotografias à vontade, e perguntar algum pormenor. Gostei de um tapete mas não tinha dinheiro nem espaço para o levar, e tinha de o negociar até à exaustão e não tenho paciência para isso…