terça-feira, março 22, 2016

RJ – Santa Teresa

Depois do Aprazível, com algum (bastante) receio descemos a pé até ao Largo do Guimarães, mas de dia haverá menos assaltos (…).
Casas e restaurantes muito giros, típicos, o bairro de Santa Teresa lembra um Portugal rústico com a mistura da América do Sul, lojinhas de artesanato cheias de cores, bairro histórico com artistas e políticos.
E depois de perder um por estar muito cheio, e ter de “combater” outros turistas e locais a passarem à frente na fila desordenada, conseguimos entrar no bondi(nho), gratuito, quase o último do dia, que nos leva até à Lapa e passa por cima do aqueduto (virá o post).
É uma viagem muito gira, e vivamente recomendada. Mas melhor esperar na 1ª paragem, caso contrário vai cheio e não pára nas seguintes…