segunda-feira, maio 11, 2015

Cru – Veneza 1


Como ir do aeroporto de Veneza até à cidade? Há buses, táxis automóveis e táxis de barco... 
Rapidez, emoção, saltos na água. Depois mais devagar pelo canal grande que recorta a cidade, muito peculiar e diferente de Amesterdão.
Ruas estreitas, pouco amigáveis a arrastar malas de viagem e carrinhos de bebé. Muitos turistas em qualquer esquina, lojinhas de souvenirs surpreendentemente baratas, já a comida tipicamente cara com aqueles preços não marcados e exagerados. Há biscoitos, chocolates, as conhecidas máscaras e muito vidro trabalhado de Murano. 
Subida à ao campanário da basílica de S. Marco para uma vista espectacular da cidade, a praça de S. Marco sempre cheia de turistas, muitos edifícios antigos, muita água, as típicas gôndolas.

A cidade é tão diferente e estranha que parece um museu ao ar livre, cheia de espectadores, dedicada ao turismo e poucos locais à vista.