quarta-feira, março 14, 2018

Mercados cdmx

Começamos por visitar o bazar de Sábado, perto do mercado de S. Angel. Muita cor, sempre, em tudo, uma alegria constante. Muitas calaveras, coloridas e amigáveis, em vários cenários de, muitos pompons, panos e tecidos para decoração.
Muitas árvores da vida, cheias de elementos representativos, os animais fantásticos que se viam no filme Coco, as tshirts com mais caveiras, e as bonequinhas quitapenas:
Cuéntale tu pena, ponla debajo de tu almohada, duerme tranquilo, al día siguiente tu pena se habrá ido! 
E as máscaras dos personagens da luta livre, um desporto estranho mais para entreter que competir, acho.
Também passámos no mercado dos Insurgentes, com mais oferta de artigos em prata. Mas estava pouco animado, muitas bancas fechadas e assédio chatinho dos que lá estavam à espera de negócio, que requer algum regateamento... tive pena, mas desta vez não comprei nada em prata.
Maracas, cestos, bonequinhas de pano, colares, roupa tradicional... até achei estranho ver poucos chapéus “Mexicanos”, mas acho que não devem ser desta zona. Também não encontrámos os presépios com as caveiras, que existem aqui em Ams, devem ser doutra zona...