segunda-feira, maio 02, 2011

GC - Caminho do Diabo

O pior foi a seguir… Dar a volta à ilha não era exactamente o plano, era fazer a maior parte da costa e ir ao pico das Neves, o ponto mais alto. E estrada para lá chegar? Os mapas não eram os mais pormenorizados e na parte Oeste as estradas eram fraquinhas e perigosas… tinham sinais a proibir a circulação em caso de chuva, porque as pedras rolam das montanhas… e a estrada é horrível!!!

Curva, contracurva, curva, contracurva, curva, contracurva, curva, contracurva.
A paisagem pode ser bonita mas... conduzir é um pesadelo!

Olha o barco que vimos há bocado! A A. tirava a foto da janela.


Circundar esta costa foi péssimo, stressante, cansativo. Não dá para descansar as mãos no volante e a atenção na estrada porque a seguir à curva, há contracurva, apertadas, a subir, a descer… kms sem fim! Foram uns 20 ou 30 mas… jurei para nunca mais, nem que me paguem… fikei KO e obriguei a A a conduzir que eu estava completamente exausta. Irra!!!
E havia um autocarro a fazer aquele percurso… mas o sr motorista faz aquilo todos os dias? Mais que uma vez??? Herói absoluto!
Curva, contracurva, curva, contracurva, curva, contracurva, curva, contracurva…