terça-feira, julho 10, 2018

Giethorn v2.0

Já tinha ido a Giethorn uma vez com amigos, e desta vez levei a mãe de uma amiga que queria lá ir. Fica a cerca de 1h30 de Ams, melhor arranjar um carrito, e depois escolhe-se um restaurante que anunciava barcos para passear, há muitos. 
Os Chinocas adoram aquilo, muita 3ª idade, algumas famílias e grupos de amigos. Desta vez fomos de barco com “tour”, na vez anterior alugámos nós e navegámos livremente pelos canais. 
Pecou pelo atraso a sair porque vinham mais pessoas e depois mais outras e… nunca mais saíamos… o sr lá diz umas coisas pelo caminho, a casa de onde punham o leite para os moradores, os barcos de madeira que são todos contruídos localmente e manualmente, também os canais e o lago foram todos criados manualmente, tendo só uma profundidade de 1m.

E no caminho de regresso vimos que vendiam morangos e fomos espreitar… uma máquina de morangos… moedinha ou nota, abre a janela, tira-se a caixa dos morangos (gigantes ou pequenitos). Eram a absoluta maravilha, dulcíssimos e perfeitinhos!