sexta-feira, abril 14, 2017

Restaurante Le Kouriet

No centro de Paris, ou em qualquer outra cidade grande, pode ser um tiro no escuro encontrar um sítio para almoçar ou jantar. Será para turistas, será bom, será caro?
Fui almoçar ao Le Kouriet com um colega, cuja família é da zona (Norte da Algéria). Gostas de couscous? Sim, claro!
Não tirei foto à travessa de couscous que foi servida para 2... e que dava para 4 pessoas, a julgar pela metade que sobrou depois de ambos repetir a dose... pedi méchoui, memé, e vinha acompanhado de outra travessa com um estufado de legumes com caldo onde se pode adicionar harissa (picante) e que compõe o prato. Nesse dia quase  não jantei...
Voltei para almoçar sozinha na semana seguinte e pedi as merguez, salsichas de memé, “só” 4. Acho que consegui comer ¼ do couscous servido... noutra mesa vi servir o “royal”, acho que só a parte da carne daria para 3 pessoas, mas como os srs eram barrigudos e grandes, foram capazes de dar conta do recado.
O sr é uma simpatia, muito simples. E a sra também, suponho que seja a mulher. No fundo do restaurante, perto da cozinha, almoçam os habituais, lenço na gola para não manchar a roupa, pãozinho de lado para empurrar a comida.
A refeição fica em... 10eur! Ninguém sai dali com fome, garantido! Um cházinho de menta cai bem para ajudar a digerir, acresce 1.20€, ui ui...
A porta do lado pertence ao mesmo, é tipo tasca, daquelas onde não entraria se não soubesse que era ok. Ah e se acabar o couscous ou os vegetais, o sr pergunta se quer mais, e traz, sem que se pague mais... é assim que se recebem os “hóspedes”, com boa vontade e prazer.

23 Rue Viala, Paris