segunda-feira, julho 30, 2012

Antibes tripla platina

Depois de falhar a visita no ano passado, voltei à Côte e finalmente conheci o rebento da família VB!
Foi um fds de Verão, já me esquecia que quase não é preciso levar roupa, durante o dia veste-se o bikini, vestido de praia e chinelos! Ir à praia de manhã, ir à agua 3xs, ouvir a sra a apregoar o jornal “Nice Matin”, voltar à praia de tarde depois da hora do calor, ouvir o sr a apregoar os amendoins torrados doces “Pop pop!”, que maravilha! Engraçado reparar que há muitos turistas, famílias, Italianos, velhotes... mas as velhotas... só se for pela idade, porque pelos bikinis modernos que vestem (fatos de banho pretos ou com padrões tristes não se viam!) e da maneira que estão em forma e se comportam, são todas super avós!

No famoso 14 de Julho, naquela zona não se passa nada... em Paris há desfiles, fogo de artifício, festas (nos quarteis dos bombeiros, segundo o R.) etc. Ali houve fogo de artifício mas porque era Verão e há sempre vários festivais pirotécnicos, de jazz, concertos ao ar livre...

O quadro de Monet ainda está fiel à paisagem local.

Que bom ir buscar croissants e pain au chocolat à padaria da esquina... que cheirava a pão acabado de fazer o dia todo, já nem sabia o que isso era!
Os srs da petanca lá continuam, não se distraem pela quantidade de Ferraris e afins que passam nas ruas.

Passeios por Antibes velha, ruas pequenas muito giras.
Poussez! E sai água fresca num jorro quase violento.
Quanto à comida.... (post seguinte)