segunda-feira, novembro 16, 2015

Winemarket Berlim

O segundo winemarket internacional do ano foi logo 2 semanas a seguir ao de Estocolmo. Olá outra vez, agora Berlim! (E um valente atraso no post…)
No metro para o centro vi logo anunciado o local do evento, era o Berlin food week e, a pedido da organização, o Adegga ia brindar os visitantes 2 dias seguidos!
Infelizmente, já tinha marcado o voo com bastante antecedência e antes de saber este pormenor, o que me fez ter de sair antes do fecho do segundo dia, perdendo os momentos finais de celebração e convívio L
Num país novo e fazendo parte de um espaço enorme com outros eventos, é sempre difícil prever o número e tipo de visitantes, número de copos e etiquetas smartglass, etiquetas com os nomes dos produtores e vinhos, programa/ preçário, etc. Ajustam-se os pormenores à medida do necessário, com a ajuda dos preciosos walky-talkies. Imprime mais folhas, vê se a mesa 5 está com ligação, faltam bolachas, traz-me a máquina do pagamento, sff! Um corropio de movimento, foi um 1º dia de sucesso (e de loucura), mais de 1000 pessoas!?
Os produtores sabiam que eram 2 dias, por isso tinham de regrar os vinhos para não esgotar o que tinham levado. Antes de terminar o 1º dia, houve quem tivesse de “fechar a banca”.
No 2º dia era Domingo, lojas fechadas, não havia bolachas para comprar. Conseguimos mais uma resma de papel e ainda tínhamos guardanapos. Mas os copos estavam usados... montou-se a linha de lavagem nas máquinas profissionais do espaço, que demorava cerca de 1.5min a lavar os copos, com a vantagem de sair a tinta dos marcadores com nomes, mas preservar a funcionalidade do smartglass... :D
Tínhamos, literalmente, paletes e paletes de copos sujos para lavar. Tirar da palete para o tabuleiro 1 da máquina, põe na máquina, enche-se o tabuleiro 2 que fica em std-by, sai o tabuleiro 1 da máquina cheio de vapor, entra o tabuleiro 2, esvazia-se o tabuleiro 1 para uma palete vazia, enche-se com mais copos. Mais de 1000 copos, só se partiu um, e foi porque o tabuleiro estava inclinado, a ver se secavam melhor as bases, e tombou para o chão. Certificado de lavagem de copos e uso de elevador de cargas adquirido!
Mais vendas, muita gente, consegui visitar alguns produtores mas perdi a oportunidade de provar vinhos Sérvios... que tiveram boa saída e óptimas críticas.
Vai parecer muito mal, mas provei um Porto de 1935 e não gostei tanto... era branco, devia ser por isso.

Tive pena de abandonar a família Adegga mas fica a promessa de novo encontro, aguardo a marcação dos próximos eventos internacionais!