terça-feira, agosto 09, 2011

Época de mexilhões


Também pela Timeout, um anúncio de página inteira com mexilhões.
"Nothing is as Dutch as mussels"... hã? Não é tradição Belga?


É, mas a matéria-prima vem de cá, mexilhões e ostras são cultivados na província de Zeeland, SE da Holanda, lição aprendida! Produzem anualmente mais de 100 milhões de Kg e exportam a maioria para a Bélgica e França. Até se pode visitar o leilão diário em Yerseke, um porto no estuário de Oosterschelde.


O anúncio era do restaurante Roots, um tacho de 1kg de mexilhões com batatas fritas caseiras e maionese também caseira, 15eur. Convidativo!
Também anunciavam que os mexilhões têm a mesma quantidade de proteínas como um bife, com menos gordura. Colesterol à parte, para quem sofre…


Pedimos um tacho de cada: com vinho branco, cerveja branca e asiático (leite de côco, alho, malagueta, coentros, gengibre e lima).
E eram todos bons… dava para ver claramente a diferença entre vinho e cerveja branca. As batatas fritas eram muito boas e a maionese idem, caseira sim sr que eu vi o sr cozinheiro com a varinha mágica a fazê-la!


E como dividimos, ficou um jantar muito barato… Não ficámos com o estômago a queixar-se mas foi opção, fomos depois revisitar o Ijscuypje ali perto, mega cone com 2 bolas, maravilha!

1 Comments:

At 9:07 da tarde, Blogger Tia Maria said...

Pode ver o leilão em Yerseke e ir ao dia do Mexilhão, http://www.mosseldagyerseke.nl/

Comemos uma dose enorme cada um por 2€.

 

Enviar um comentário

<< Home