sexta-feira, dezembro 30, 2011

Ending 2011

O fim do ano de 2011 está aí, passou muito rápido. Apesar de ter cumprido projectos e mantido a vida social e cultural no blog, abrandou noutros aspectos e o saldo podia ser mais positivo. Espero que 2012 traga mais alegrias e continue a descobrir o desconhecido em todas as áreas que me preenchem.

O tema preferido é sempre o das viagens, continuo emigra, já prestes a cumprir 4 anos fora de Portugal. Conheci Milão, Gran Canária, voltei a Londres 2x, passei férias em PT com a família e comemorei o aniversário em Itália (Bolonha, Módena, Parma, Verona e Ferrara, posts ainda por escrever). “Faltou” uma viagem intercontinental, que espero realizar no próximo ano.

Tive poucas visitas (então, os sofas estão à espera!), mas veio o DJ, os papás, a M e a V (post ainda por escrever).

Conheci os campos de flores de Lisse em passeio de bicicleta com amigos, muito diferente do que se vê só pela auto-estrada ou caminhos principais, vale a pena!

Continuei assídua em PT para 3 casamentos de amigos, nasceram mais bebés, nomeadamente o D, e mais ainda estão já anunciados para o próximo ano.

Para além do Restaurant Week e Eetweek, aderi ao Groupon e tenho experimentado mais restaurantes, com novas nacionalidades e iguarias a adicionar ao conhecimento culinário.
Aderi ao cartão do cinema e passei a ir quase todas as semanas, é desta que fico preparada para os Oscars! Continuo a ir a concertos, espectáculos de danca, bailado, museus, exposições, etc.

Zumbei, experimentei Lacrosse, joguei squash, corri a minha 1a Meia-Maratona e, para não parar nesta época escura e fria, aderi pela 1a vez a um ginásio, onde posso nadar e descansar na sauna e jacuzzi, enquanto lá fora chove e é feio.

Mudei de emprego, ganhei novos contactos e amizades, estou a aprender uma nova indústria e a adaptar-me mais um bocadinho ao Holandês (com mais umas aulas…).

Fiz de tudo um pouco, mas quero sempre mais. Vou aceitar a ideia da MAR e escrever 12 desejos/objectivos num papel. Daqui a um ano logo releio e vejo se cumpri, ou se me rio do que achava que fazia sentido no início do ano. Os bons e os maus momentos nunca são eternos, por isso há que aproveitar e reconhecer os bons e compreender e aceitar/aprender com os maus, sabendo que as voltas continuam.

Feliz 2012 para todos!

Pelo escritório, há a tradição de, no último dia de trabalho do ano, trazer a família e filhos para comer umas olliebollen, krentenbollen e appelbeignet. Fritos da época, para adicionar ao que comi no Natal, que não foi pouco… :)

quinta-feira, dezembro 22, 2011

Feliz Natal 2011

Já começou o Inverno, mas o dia mais pequeno do ano também já passou, agora é sempre a aumentar! Compras feitas com alguma antecedência, tudo despachado, mala cheia de presentes.
É altura de ver a família e amigos em jantares demorados e cheios de coisas boas.
Saudades do sol!

Feliz Natal e Boas Festas!

(Esta é a árvore de Natal em frente à Central Station de Amesterdão. É um mistério porque é que a foto fica assim e já tentei n vezes que fique direita, que chato!)

terça-feira, dezembro 20, 2011

Chips do Suriname

Arroz tufado/frito/tostado, é estranho mas funciona como snack.
 Chips de cassava, leves e crocantes.
As minhas colegas são viciadas em banana chips... com um toque salgado, comem-se bem sim sr!
 E amendoim com "massa de bolo", salgado também.
A ver se a família em PT também gosta, ou se chega tudo esmagado na mala...

quinta-feira, dezembro 15, 2011

Restaurante Royal Thai

Mais um vale do groupon, fomos ao Royal Thai.
Era suposto ser à carta mas a sra dizia-nos as opções de escolha e não houve muita margem de manobra.
Pho Pia, crepes com galinha, noodles transparentes e vegetais. Tod Man Pla, umas “pataniscas” de peixe com pasta de caril vermelho.
Tom Yam Kai, sopa com galinha e cogumelos, picante. A outra não sei o nome mas também tinha galinha, vegetais e não era picante.


Galinha com caril verde e carne de porco com molho de ostras.
Já era comida a mais e trouxe o resto de take away, que se comeu muito bem no dia seguinte ao almoço J 
As sras eram muito simpáticas, o serviço foi um nadinha demorado e não vimos a ementa, só pelo site depois... Mas na rua dos restaurantes turísticos, os preços são elevados e continuamos a preferir o Bird (onde já voltámos várias vezes mas ainda sem direito a post, falha minha!).

terça-feira, dezembro 13, 2011

Brunch no Friday Next

Domingo é o dia preferido para brunch, desta vez fomos experimentar o Friday Next, loja de decoração e design de interiores, com um café agradável para dois dedos de conversa.
O pequeno-almoço reforçado, com ou sem bacon.
O almoço antecipado, hambúrger com “carne a sério” (cá é mais fácil encontrar carne processada que carne picada em hambúrguer!) e molho tzaziki.

A mega taça de cereais com fruta e iogurte.
Artigos giros e curiosos, este candeeiro é complicado mas muito original!

Tinha, por exemplo, uma mesa de apoio feita com livros de capa dura, dos antigos, muito gira. Cadeiras, armários, candeeiros, sofás, almofadas e pequenos acessórios para a casa, com boas ideias para presentear os amigos ou a própria casa.

quinta-feira, dezembro 08, 2011

Lacrosse


Debaixo da minha casa há um escritório, um rapaz costuma trabalhar até tarde e aceno quando o vejo. Fiquei curiosa quando vi o taco estranho com a rede na ponta e perguntei o que era. E pronto, uns tempos depois fui experimentar jogar Lacrosse...
Não sabia bem ao que ia e estava receosa, falou-me em jogos mistos e ele tinha um capacete e equipamento almofadado...

Juntei-me à equipa das raparigas, cujo único acessório era a protecção de borracha para os dentes... que eu não tinha, claro.
Chato foi estar um frio de rachar, com vento!

Mas é giro! Os tacos das raparigas são mais pequenos e a rede também menos funda. Pega-se na bola de borracha (pesada) como se fosse uma pá, sem tocar com as mãos, e corre-se, abanando o taco desde o nariz à orelha, e rodando também, para manter a bola, requer bastante coordenação... E apanhar a bola em movimento? Estando parada e apontando para a pessoa, até consegui, mas em corrida já não é tão simples...

Não há contacto físico, a estratégia de bloquear a jogada ou aproximação da baliza faz-se taco a taco ou abanando o dito a bloquear a progressão. Fizémos alguns exercícios, 2 a 2, 3 contra 2, marcar na baliza. É suposto conseguir-se fazer o mesmo com a mão esquerda e direita! Marcar golos sabe bem! Não éramos suficientes para um jogo a sério nem havia guarda-redes :P

Foi giro! As raparigas eram maioritariamente holandesas, muitas jogavam há bastante tempo e uma delas jogava no UK onde era um desporto só de raparigas. Não vi nada do jogo dos rapazes, só sei que é mais rápido e perigoso, são uma boladas mais fortes.

Depois do Inverno sou capaz de voltar e ver um jogo dos Lions de Amsterdam!

terça-feira, dezembro 06, 2011

Jantar de Thanksgiving

Na minha lista virtual de acontecimentos para presenciar tenho um 14 de Julho em França, um 4 de Julho nos EUA, um thanksgiving com americanos...
Neste caso, sem ter uma família lá que me acolha, adopta-se um jantar organizado pelo American Book Center. Cada pessoa levou uma entrada ou sobremesa, as bebidas estavam à disposição, o jantar era buffet.
Perú (peito ou coxas), salada de vegetais cozinhados (com muito aipo), puré de batata, molho espesso de cranberries, batata doce assada, feijão com molho de tomate, milho, mosho da carne ou de manteiga.
Prato cheio!
Como repetimos o prato, acabámos por perder a famosa e tradicional tarte de abóbora, que se faz nesta altura. Tenho de descobrir uma receita e tentar reproduzir.


Havia música ao vivo, alguns americanos (conhecemos realizadores de filmes pertencentes ao festival de documentários a decorrer nessa altura) e muitos expats. Foi bom, comida boa em bom ambiente, pena ter acabado cedo! Era só das 18h às 20h e chegámos todos um bocadinho atrasados por causa do trabalho.

quinta-feira, dezembro 01, 2011

Noel Gallagher @ Melkweg

Sempre fui fã dos Oasis e continuo a gostar dos manos Gallagher em separado. Depois de ver o Liam no Paradiso, estava chateada de perder o Noel no Melkweg, concerto esgotado, o costume.
Mas fui para a porta, tentar a sorte. E não é que funcionou???
Apareceram 2 amigos sem aspecto "dodgy" que perguntaram se queria um bilhete porque o 3o amigo deles não podia ir, e era um bilhete normal, sem ser da net com o perigo de ter sido impresso 2x. E pelo preço normal, ele só ganhou uns 3eur. Yupiii!

Se o Liam se recusou a tocar/cantar músicas de Oasis, já o Noel não nos desiludiu e foi um concerto em grande!
Na última música quase não se ouvia o Noel a cantar, o público tomou conta da sala.

video
No sítio do costume, o concerto ao vivo na BBC, pérolas!