terça-feira, setembro 30, 2008

Há 10 anos atrás...



Assisti ao fecho espectacular da Expo 98 e fui direitinha para o primeiro dia de aulas da Universidade...



10 anos???...

Começar em Amesterdão - Holanda


Faz hoje 8 meses que cheguei, passou a voar, passou bem e continuo optimista com o futuro próximo. Tenho ainda muito para descobrir na cidade, sítios para visitar, conhecer, explorar...
A aprendizagem da cidade e costumes holandeses acontece no dia-a-dia, mas de vez em quando há informação muito útil que importa partilhar! Isto porque têm chegado portugueses com muita frequência, para não dizer todas as semanas... Somos muitos e cada vez mais!

Organismos Oficiais
Consulado Português em Roterdão (contactos - página não oficial) - http://www.pt.portugal-holanda.nl/Default.aspx?tabid=38

Câmara de Comércio Portugal-Holanda - http://www.ccph.pt/

Ajuda gratuita da Câmara Municipal para preencher documentos oficiais (e.g. registo, impostos, etc.) - 'Formulierenbrigade', em Amsterdam: telefone (020) 346 3636

Leitura
Jornal Expresso em Amsterdam (procurar na secção das revistas como 'Time')
Biblioteca Central (a 5 minutos da Estação Central) - http://www.oba.nl/index.cfm/t/Central_Library/vid/53EFC44A-0B06-C2A4-F55441CFC9E5EEE8

Amsterdam Weekly, jornal semanal, gratuito, em inglês, com agenda cultural muito completa (cinemas, teatros, exposições, concertos...) - http://www.amsterdamweekly.nl/

'Cultures and Organizations' de Gert Hofstede -
http://www.amazon.com/Cultures-Organizations-Software-Geert-Hofstede/dp/0071439595

'We Europeans' de Richard Hill
http://www.amazon.com/We-Europeans-Richard-Hill/dp/9074440118

Outros: 'Com os Holandeses' de J. Rentes de Carvalho (escritor luso, residente na Holanda); 'Expat Toolkit - A Guide to the Dutch Workplace'; 'Undutchables', ‘Dutch for Dummies’ etc.

Notícias da Holanda
em Inglês - http://dutchnews.nl/
em Holandês - http://www.nu.nl/

Alimentação
Restaurantes Portugueses na Holanda:
http://www.dinnersite.nl/zoeken/alle/restaurants/?sxpKruimel=new&zoeken_in=alle&restaurantnaam=&prijs_van=&prijs_tot=&plaats=&geopend_op=&provincie=&straat=&keuken=%7CPortugees%7C&submitbutton=Zoeken

Loja de produtos Portugueses e Brasileiros 'Wijnimport Neves'
Zwanenburgerdijk 335 B (entre Amsterdam e Haarlem)
Tel : 0653319837, aberta aos Sábados das 09:30 às 17:00

Mercearia, charcutaria e café português - Casa Bocage
http://www.adega.nl/adega.html
Haarlemmerstraat 111°
Tel: 020 427 45 55

Serviço de encomenda via internet e entregas diretas do Albert Heijn, Etos e Gall & Gall
http://www.albert.nl/display.do?page=home

Transportes
'Car sharing' aluguer de carro por fracções a partir de 30 minutos. É um sistema simples e cada vez mais utilizado. Duas empresas pricipais: 'ConnectCar' e 'GreenWheels'. A melhor opção da zona da Holanda e proximidade das viaturas. ConnectCar é forte na zona de Amsterdam e GreenWheels tem mais viaturas na zona de Roterdão e Oeste. A ConnectCar não exige depósito ao contrário da GreenWheels). Sites (só em Holandes):
http://www.connectcar.nl/
http://www.greenwheels.nl/

Sites de tráfego e radares
http://www.bnr.nl/nl-nu/overzicht/?Context=S%257C3d318fec8e570b67%257CN%257C0
http://www.anwb.nl/verkeer
Aeroporto - http://www.schiphol.nl/Homepage/Homepage.htm
Comboios - http://www.ns.nl/cs/Satellite/ns2007/nl/hoofdmenu/include/1160724828566/reizigers?p=1160724828566
Buses e trams - http://www.gvb.nl/english/Pages/default.aspx

Outros
Procura de casa
http://www.funda.nl/WoningAanbod/Koop/

'eBays'
http://www.marktplaza.nl/
http://www.marktplaats.nl/

Radar da chuva... (porque dá jeito!)
http://www.buienradar.nl/
http://www.weer.nl/nl/home/weer/neerslagradar/nederland.html

Aprender a língua
http://www.taalklas.nl/ – site interactivo para lições progressivas com recurso a imagens e exercícios simples. Registo simples e gratuito.

Algumas escolas: http://www.learndutch.com/, http://www.bltc.nl/, http://www.berlitz.com/, http://thelanguageacademy.nl/

E o post fundamental do "Vida em Amesterdão"
http://vidaemamesterdao.blogspot.com/2007/12/estranhamente.html

Obrigada LB pela compilação da maioria da informação!

segunda-feira, setembro 29, 2008

Comboios silenciosos


Para além de carruagens de 1ª e 2ª classes, há zonas de “silêncio”, onde não se deve ter o telemóvel ligado e evitam-se conversas ruidosas. É bom para descansar, dormir, estudar... se for respeitado!

sexta-feira, setembro 26, 2008

Almoços à holandesa

A comida "deles" é sempre motivo de conversa. Nós temos hábitos diferentes, sem dúvida. Preferimos refeição quente ao almoço e jantar. Eles não, nem gostam muito de comer. Comem porque tem de ser, e que seja rápido.
O meu exemplo vem da cantina do trabalho, vale o que vale.
Um dos snacks hoje era uma "loempia", crepe "chinês" de vegetais, portanto frito. Com um ovo frito por cima e cebola frita em bocadinhos por cima. De base tinha o molho que eles adoram de amendoim, forte e espesso, "saté". E ainda havia quem lhe juntasse a "sauerkraut" que é uma couve agridoce. Que misturada... digo eu.
Claro que o normal para eles é 2 ou 3 mini baguetes de pão ou umas 5 fatias de pão tipo "Bimbo" e depois... queijo ou manteiga e pepitas de açúcar com chocolate ou carne picada crua ou...
Estranhei hoje ser 6f e não haver batatas fritas!

Metz & Co


Vale a pena subir ao Metz para ver a vista sobre a cidade. Não se pode tirar fotografias, tem um aviso logo ao início... Mas não resisti, fui discreta, adoro vistas de cima.

A comida é boa mas muito cara, vale pela vista. O serviço também não correu bem, a empregada tropeçou e salpicou maionese por vários clientes, eu incluída. A mim não houve pedido de desculpas, mas levou tira-nódoas aos desgraçados que foram mais atingidos.

Descer pelas escadas tem a desvantagem de se querer parar em todos os pisos e espreitar as colecções de alta costura, na sua maioria pouco acessíveis à carteira...

quinta-feira, setembro 25, 2008

Sinceridade holandesa

Os holandeses são conhecidos pela falta de... "chá", não têm papas na língua e não se coíbem de fazer comentários "desapropriados", geralmente não pensam antes de falar nem se importam que fique uma situação incómoda ou constrangedora.

Situação 1: Uma rapariga tem alergia a metais, há tempos tinha uma mancha no pescoço por ter usado um colar. Uma colega do trabalho, que não é amiga íntima, perguntou-lhe prontamente se aquilo tinha resultado de um chupão do marido.

Situação 2: Nos prédios, as campainhas têm o nome dos habitantes, não diz 1º esq ou 2º frente. Uma vizinha pergunta a um vizinho porque tinha na campainha dele o nome da namorada, sabendo que eles nem eram casados nem ela vivia lá oficialmente.

Situação 3: Vou ter com um colega para uma reunião que era para ser na sala dele, que é partilhada com outro colega. Encontro-o no corredor meio chateado:
- Ahhh, o x e os seus “body sounds”...
- What do you mean?
- He farts!
- errr… you could open a window?...

quarta-feira, setembro 24, 2008

A mata da Costa da Caparica...


... já não existe como a conheci.
O Pólis transformou-a, as barracas deram lugar a novas instalações e espaços verdes, embora com poucas árvores ainda.
O parque onde brinquei quando era pequena deu lugar a outras diversões mais modernas. Tinha uma biblioteca de verão onde se podia ler livros de criança e eu toda contente por poder folhear uma data deles. E o escorrega que "queimava" de quente no calor do verão. E um "vai-e-vem" que metia medo se fosse muito depressa. E baloiços que quase davam a volta, ou nós tentávamos que desse, embora fosse quase impossível. E o chafariz que nos molhava mas acabava com a sede.

Desapareceu o parque de campismo. O Ninho e outros restaurantes. O campo de mini golfe onde eu ia com os vizinhos mais novos, apanhava pinhões e partia com uma pedra que se encontrasse, e sujava as mãos todas.

Já não há o caminho velho cheio de buracos que percorri durante anos para ir à praia, a pé ou de bicicleta. Nem sinais da vala que cheirava mal e estava cheia de lixo.
Já não existem os campos de ténis velhos com areia laranja onde aprendi a jogar, agora há uns modernos.
Já não está o campo da bola onde jogava e via jogar os colegas da primária e preparatória.
Nem o Remédio Santo (bar) que começou por ser a base do grupo de gugby da Costa e depois se tornou in e encheu durante meses (anos?) com gente de Lisboa e arredores.
Já não estão as mesas de piquenique onde se faziam festas de aniversário.

E parece que vai haver um estacionamento coberto na praia do cds...

Algumas árvores devem ser as mesmas e devem ter muitas histórias para contar... o resto, fica na memória de quem por lá passou e viveu!

terça-feira, setembro 23, 2008

Em PT encontrei...


... calor a saber a fim de verão...
... bacalhau com grão, cabrito no churrasco, sardinhas, arroz de pato...

... multa da emel e carro bloqueado porque estacionei em lugar de deficiente, não reparei, estava com pressa, voaram 90eur e de nada serviu a raspadinha de 1h...


... dias bonitos e provas no Hipódromo do Campo Grande, mas cheguei atrasada e não vi a amazona em prova...

... família e amigos com bons momentos passados...
... uma corrida de táxi com direito a ecrã televisivo dedicado ao passageiro com informações da cidade e mais surpresas, "se quiser ponho o som!", dizia o taxista...

... o cartão único do cidadão que já vai existindo e vai contribuir para uma carteira mais leve, sem o BI que nunca cabe, e quando se perder, são 4 documentos de uma vez!...
... o cheiro de Lisboa, de casa, da praia...

quarta-feira, setembro 17, 2008

Pausa de 2 dias...


... para conhecer alguém muito especial, bem-vindo!

terça-feira, setembro 16, 2008

Rood (vermelho)


Nesta loja perto da Dam, tudo é giro e tudo é exclusiva ou maioritariamente vermelho.

Quando comecei a ouvir "Spa rood", pensei que era como se pedia água com gás. Mas depois percebi que é a cor da garrafa de água com gás da Spa, "queria uma SPA vermelha, sff". E depois há a Spa "blauw", azul, água normal. Para além de outras variedades...

segunda-feira, setembro 15, 2008

Fadas


... da água, do fogo e do ar.

sábado, setembro 13, 2008

Em escala para Singapura e Bali

A JH, o A, a R e o N estão a caminho de Bali, surf trip. A escala de muitas horas em Amesterdão permitiu um passeio a pé para (re)conhecer a cidade e preparar para a viagem de 13h até Singapura.

Amanheceu chuvoso e fui ter com eles à Central Station, mas felizmente já não choveu no caminho de casa e confirmei no radar da chuva (coisa de holandeses) que já não precisávamos dos chapéus.

Primeira paragem nas tartes do traiteur chef, depois as batatas fritas seguido de almoço no La Place que nunca desilude.
Passagem pelo red light, brinde com licores, dam, haarlemmerstraat, café nicola na loja portuguesa, frutos e morangos secos no mercado de Linden, Westerstraat, caminhada pelo Prinsengracht e regresso à base.
A cidade com sol e céu azul enche-se de esplanadas e hoje estava cheia destas "máquinas" de música alegre, quais caixinhas de brincar em tamanho gigante.

Boa viagem e boas férias!

sexta-feira, setembro 12, 2008

Vondel park (sempre na agenda)


Sempre que faz sol está tudo na rua, e mesmo que chova, depois secamos! Já não me faz tanta impressão pedalar à chuva...
Não sei se é o aproximar da maratona de Amesterdão (eu vou lá estar na mini!), mas cada vez vejo mais gente a correr por todo o lado a qualquer hora.
O Vondel está em obras, tem partes fechadas, o percurso da corrida vai sendo alterado ao sabor do espaço disponível.

Recentemente abriu uma parte com um “tapete” novo, lisinho, mesmo a convidar aos patins. Demorei um bocado a pôr as protecções, depois a levantar-me do banco e a chegar ao alcatrão, mas nao caí!

Só agora conheci o jardim das rosas, muito bonito e arranjadinho, a convidar ao descanso, leitura e namoro. Pena já não ser Primavera para todos os canteiros estarem muito floridos, mas ainda se vêem várias espécies diferentes de rosas, e bonitas!
Infelizmente já se começa a notar que escurece mais cedo, no final da corrida as bicicletas já têm as luzes acesas e já estamos em "lusco-fusco".
Mas enquanto há, o bom tempo é para ser aproveitado! No parque passeia-se, corre-se, patina-se, brinca-se com as crianças, com os cães, com os patinhos, joga-se à bola, joga-se ténis, à laranjinha, ao disco, lê-se, ouve-se música, namora-se, conversa-se nos bancos de jardim ou na esplanada... Quais centros comerciais...

quinta-feira, setembro 11, 2008

Visita do J e da S


Estiveram cá durante a semana, entre 2 casamentos de colegas do IST (está tudo a casar!). A reserva do bookings não correu bem e a primeira noite foi passada num hotel mauzito, mas depois conseguiram resolver e ficar no inicialmente escolhido, e reservado...
Conseguiram ver Amesterdão com chuva, mas também com sol e céu azul. Visitaram o museu da cidade, do Van Gogh, Rijks, casa da Anne Frank, Van Loon, Rembrant, Beginhof, Vondel park, fizeram o passeio de barco... Comeram stroopwafels, mergpijpjes, mini speculaas, batatas fritas, tartes do traiteur chef (de chocolate, maçã e limão), salmão e atum fresco, sushi (me), queijo com sambal... A S. gostou tanto das wieckse rosé que as levou para Portugal. Passearam pela cidade mas também foram a Zandaam ver os queijos, as socas e os moinhos.
Não deu para tudo mas foi uma boa amostra! Voltem quando quiserem!

quarta-feira, setembro 10, 2008

Ser emigrante é...

Ter como "favorito" o site da octoshape para ver a rtpi, incluindo o jornal da tarde e o jogo da selecção em directo!
O site da rtpi também dá mas tem dado erro, fica o ecrã verde.
E a TSF em directo também não falha. Viva a internet!

Black is Beautiful


Na nieuwe kerk (igreja nova) está uma exposição dedicada à representação de pessoas negras na cultura e arte holandesas ao longo dos tempos.

Para além de se poder apreciar a exposição com pinturas, desenhos, manuscritos, livros, tapeçarias... também se visita a igreja.

Diria que tem o estilo da igreja velha (visitada ao mesmo tempo do WPP), com tecto e estruturas em madeira, vitrais curiosos, decoração clássica e candelabros imponentes.

Muito interessante!

terça-feira, setembro 09, 2008

Restaurant Week – Dorrius (medalha de ouro)

A “medalha de ouro” vai para a 3a experiencia. Eramos 3 e percorremos o menu quase todo, apenas faltou a sopa de ervilhas que parece ser especialidade, com bacon e muito espessa.

-“Hendrika’s herring” served on a potato salad with beetroot and encircled with a tomato dressing
-Carpaccio of beef and veal knuckle with a truffle dressing, pine kernels and fried smoked bacon
(-Rich dutch pea soup served with rye bread and bacon)

-Butterfish on a bed of mashed potatoes and spinach, served with tomato sauce
-Caramelised shoulder of lamb with rosemary and garlic, served with red cabbage and potatoes au gratin
-Beef stew served with red cabbage and apple sauce

-Crème brûlée with liquorice ice cream
-French toast with vanilla ice cream (ah, fatias douradas!)
-Mascarpone mousse with warm cherries

O empregado era muito simpatico e atencioso, deu-nos as boas vindas ao restaurante e manejava com mestria um pimenteiro com cerca de um metro de comprimento. Pareceu-me o restaurante mais “holandes” e tipico, se é que isso existe aqui. Todas as entradas, pratos principais e sobremesas estavam bem confecionados, bem apresentados e bem servidos, talvez até demais. Outros amigos tambem experimentaram o mesmo restaurante e “queixaram-se” de que tinham comido demais.
So’ nao gostei do conteudo branco de uma tigelinha para por no pao que provei sem saber o que era porque nao percebemos a descricao do empregado. Era qualquer coisa como gordura de torresmos fria, e eu que adoro carne de porco e derivados... de resto, 5 estrelas!

segunda-feira, setembro 08, 2008

Restaurant Week – Van Puffelen (medalha de bronze)

A 2a experiencia foi a que menos gostei dos 3. O ambiente do restaurante nao era mau, mas achei-o demasiado escuro, embora a decoracao estivesse de acordo. O servico foi simpatico, apesar de meio atrapalhado ao inicio, mas demorou e, num jantar a meio da semana, fez diferenca.
-Seared tuna with potato salad and spicy red gravy
-Zuchhini soup with a ravioli and Parmesan
Lemon sorbet spoon
-Combination of duck breast and confit of duck leg with creamy sauerkraut, pineapple and a red fruit sauce

- (Lasanha de abobora)
-Pan fried cod with mussels and a white wine sauce served with a potato tortilla
-Marinated summer fruit with yoghurt ice cream and cream
-Cheese cake of pear and chocolate served with cream

As entradas eram boas, o “limpa palato” muito bom, as sobremesas deliciosas mas os pratos principais desiludiram. A T pediu refeicao vegan e o prato disponibilizado (lasanha de abobora) revelou-se como a melhor opcao... O pato sabia a cozido quase sem condimentos e o bacalhau estava insosso demais, achei as batatas fritas sem graça e equiparáveis a um macdonalds. Mas vinha sempre bem apresentado e em quantidade suficiente.

sábado, setembro 06, 2008

Um passeio a 2 rodas

Com um país totalmente “ciclável”, é quase crime não explorar mais para além das ruas e recantos de Amesterdão.
A M e o B são grandes assíduos destes passeios, onde se descobrem aldeolas e paisagens bonitas.Com um dia belíssimo, fizémo-nos à estrada, saindo da cidade por um dos barcos gratuitos que nos levam ao lado norte.

O caminho estava estudado e há sempre placas para orientar o trânsito ciclista.

Muitas casas com mesas de piquenique em frente, flores e verde, ursos em tractores e casamentos com um mini carro por adereço.

A única chatice era algum ventro contra e os mosquitos, moscas, abelhas e toda a espécie de seres voadores que insistiam em cruzar-se connosco, afinal os óculos de sol teriam tido uma segunda função!

Estou cheia de bichos!

Devia estar a acontecer uma convenção de patos...
e este bovino parecia uma estátua.

Já conhecia Marken, mas desta vez fomos papar um uitsmijter para retemperar forças.

No regresso tivemos um encontro imediato com um ouriço que ia a passar a estrada e passámos por outras vilas pictorescas.


Seguramente foram mais de 30km, talvez quase 40km. Mas entre amigos e quase sempre a direito não custa. Queremos repetir!
(fotos by Frankie)